Sánchez Se Apega A Um Governo Monocolor, “de Cooperação, Não De Coalizão.”

Sánchez Se Apega A Um Governo Monocolor, "de Cooperação, Não De Coalizão." 1

“Um governo de cooperação, não de coalizão”, destacou a presidente do PSOE, Cristina Narbona. Esta é a proposta concreta e definitiva que lança Pedro Sánchez ao líder Unidas Podemos, Pablo Iglesias, véspera da nova reunião em que ambos manterão no Congresso.

Uma oferta que a executiva do PSOE “foi apoiada por unanimidade”, em sua reunião desta manhã, segundo salientou Narbona. O propósito é que “muito em breve, em julho, se possível”, Sánchez possa ser eleito como novo presidente do Governo, pro que necessita, antes de tudo, o suporte Unidas Podemos. Narbona, salientou que a proposta de Sánchez é formar “um governo monocolor”, o que, não obstante, garantiu que poderão ter espaço “pessoas independentes de reconhecido prestígio, que são capazes de ser propostas pelo Unidas Podemos”. “Um governo de cooperação, não de coalizão”, reiterou a presidente do PSOE.

Esses independentes propostos na criação morada integrariam dessa forma “em instâncias públicas da administração, não no Conselho de Ministros”. A executiva do PSOE assim como validou o que denomina “proposta aberta de cooperação pra um governo social, feminista, ambientalista, europeista e progressista”.

Este documento, de somente 38 páginas, será a apoio para o discurso de investidura de Sánchez e bem como pra começar a discursar com a Unidas Podemos de conteúdos programáticos. Neste sentido, o PSOE segue empunhando a discrepância Unidas Podemos conexão à queda da Catalunha como um elemento que impediria o governo de coalizão.

“O que não vamos é para negociar, em nenhum caso, com os partidos socialistas em troca de sua abstenção”, reiterou, por outro lado Narbona. E os partidos constitucionalistas, acrescentou em fonte ao PP e Cidadãos, a dirigente socialista advertiu que o único que lhes procura Sánchez é a tua abstenção, pra que você possa começar a legislatura. “Sem investidura não há governo, não há governabilidade”, destacou.

Aproveite o distintivo “Q de Qualidade Turística”, outorgado pelo ICTE. A Praia de Ohão assim como contam com a Bandeira Azul, concedido na União Europeia. Características naturais da praia: Largura média: Cinquenta e cinco metros. Comprimento: 1.375 metros. Superfície: 74.000 m2.

  1. 4 O surgimento da burguesia
  2. Piscina olímpica: natação, mergulho, golfe
  3. Emile Noël, França
  4. Uma mesa de diálogo com todas as sensibilidades políticas catalãs
  5. 18 Artistas pelo estado
  6. 1996-1997: Gil Amelio
  7. O casamento de Ramon Berenguer III e Doce de Provença, no que anexou a Provença
  8. CP Nossa Senhora de Lourdes

Composição da superfície: Cascalho. Condições de casa de banho: Águas tranquilas. Características de utilização da praia: Grau de urbanização: a Urbana. Capacidade máxima e óptima: 14.850, 8.940 pessoas. Grau de ocupação: Alto. Equipamento de praia, Estacionamento, alojamento, material de vigilância, calçadão, restaurantes, sinalização de perigo, telefones, alugueres náuticos, bares, Polícia Local, duchas, guarda-sóis, espreguiçadeiras, posto Cruz Vermelha, limpeza de praias, papeleiras. Calahonda é um nanico anexo, situado a 13 km de Valência, junto ao mar. Actividades: Pesca de cana e submarina e mergulho. Possui hotéis e diversas empreendimentos de casas e apartamentos. Dispõe de serviços, como, calçadão, estacionamento, hotéis ou restaurantes. Desfrute do distintivo “Q de Qualidade Turística”, outorgado pelo ICTE.

A Praia de Calahonda assim como conta com a Bandeira Azul, concedido pela União Europeia. Quanto às chuvas, nos meses de julho e agosto costumam ser muito secos, enquanto que os meses de dezembro e janeiro, as precipitações de em torno de 40 mm. Costumam ser frequentes as chuvas torrenciais.